FAMÍLIA MANTIDA REFÉM DURANTE TENTATIVA DE ASSALTO É LIBERADA EM CAMPESTRE - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 16 de abril de 2021


Publicidades

FAMÍLIA MANTIDA REFÉM DURANTE TENTATIVA DE ASSALTO É LIBERADA EM CAMPESTRE

Publicado quinta, 04 de fevereiro de 2021





Os dois filhos e o esposo da caixa executiva do Banco do Brasil de Nova Resende que estavam sendo mantidos reféns durante uma tentativa de assalto à agência daquela cidade foram liberados por volta das 15h em Campestre, próximo de Poços de Caldas.

Pela manhã dessa quinta-feira, dia 4, policiais militares de Nova Resende foram comunicados pelo setor de inteligência do Banco do Brasil, que fica no Centro da cidade, que o alarme de pânico da agência havia sido acionado.

Os policiais se deslocaram até o banco e o gerente afirmou que a família da funcionária estava sendo mantida refém por assaltantes. Como ela estava no caixa do banco, confirmou a informação.

Um dos assaltantes tinha conhecimento do horário em que policiais militares faziam ronda de segurança pela agência diariamente e avisou à funcionária que juntassem todo o dinheiro da agência em um saco de lixo pois voltaria logo após que a polícia saísse do banco.

Coincidentemente, os policiais ao entrarem na agência depararam com um rapaz saindo do local sem que tenha levantado suspeitas, mas que teve seu rosto registrado por fotografia por precaução. Ele se identificou apenas como Marlon e mais tarde foi confirmado de que usou um nome falso.

Na casa da funcionária, os policiais não encontraram ninguém.

Enquanto os policiais coletavam informações, viram quando o assaltante retornou a agência e junto do gerente carregava um saco de lixo que foi colocado dentro de um Fiat Strada, do esposo da funcionária bancária.

Quando o assaltante tentou sair no veículo, um investigador se colocou a frente do carro determinando sua parada. O assaltante acelerou o veículo jogando na direção do detetive, que só não foi atropelado porque o carro acabou batendo em um outro que estava estacionado.

O assaltante foi rendido e identificado como J.F, 33 anos. Com ele a polícia prendeu dois revólveres calibre .38, além de mais de R$ 244 mil em dinheiro que estava dentro do saco de lixo.

Todos os locais da ação foram periciados e o assaltante preso em flagrante.

As investigações para identificar outros envolvidos continuam.




Mais Polícia


 Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar